Resenha | Star Wars: Império e Rebelião - Honra entre ladrões


Quando o Império ameaça a nova esperança da galáxia, será que Han, Luke e Leia se tornarão sua última chance? Quando a missão é resgatar uma importante espiã rebelde do epicentro do Império, Leia Organa sabe que a melhor opção para a tarefa é Han Solo – algo em que a princesa e o contrabandista podem enfim concordar. Afinal de contas, para alguém que invadiu um bloco de segurança imperial e ajudou a destruir a Estrela da Morte, essa missão pode até parecer simples. Mas quando Han localiza Scarlet Hark, a impetuosa espiã rebelde, ela se nega a deixar para trás as linhas inimigas, pois descobre que um pirata planeja vender informações secretas que o Império destruiria mundos para se proteger – incluindo o planeta onde Leia está participando de uma conferência com simpatizantes rebeldes. Scarlet quer encontrar o ladrão e roubar de volta as informações; Han fica sem escolha e passa a acompanhá-la, a fim de evitar que todos acabem mortos. Atravessando ruas agitadas, uma selva mortal e até um antigo templo alienígena cheio de armadilhas, Han, Chewbacca, Leia e sua nova e ousada aliada enfrentam emboscadas, traições e tiroteios para evitar que informações cruciais caiam nas mãos do Império. No entanto, mesmo com o apoio imprescindível do esquadrão de caças X-wing de Luke Skywalker, os heróis da Aliança estarão desesperadamente em desvantagem na batalha final – e o resultado irá decidir o fim da tirania na galáxia ou assegurar que o reino sombrio do Império dure para sempre.

Título Star wars: Honra entre ladrões | Série Império e Rebelião #2 | Autor (aJames S. A. Corey
Editora Universo dos livros | Páginas 352 | Ano 2017


Resenha(s) relacionada(s)
• Star Wars: Império e Rebelião - O fio da navalha


História/trama
Star Wars: Honra entre ladrões apresenta uma trama mais focada em Han Solo e em seu envolvimento com a causa Rebelde. A trama gira em torno de Han, inicialmente resgatando uma agente secreta e consequentemente ajudando a salvar a galáxia de uma arma que tornaria o Império invencível, ao lado de Leia, Luke e de outras figuras bem conhecidas pelos fãs da saga.

Personagens
Han, Luke, Leia, assim como todos os outros personagens da história, foram bem desenvolvidos e o mais importante, James S. A. Corey respeitou as essências de cada um deles e criou características singulares e marcantes nos personagens não canônicos. Na história, que pertence ao arco Legends, conhecemos mais dos pensamento de Han, principalmente de suas dúvidas em relação a Aliança e de sua participação nela.

Universo
Como fã, ler Star Wars é o mesmo que assistir o episódio três pela primeira vez na vida, a sensação sempre é a mesma, não importa o livro. Visitar junto com os personagens cada pedaço da galáxia e batalhar contra os Stormtroopers, vai ser sempre algo significativo. A história possui passagens em vários ambientes diferentes e proporciona conhecer outros lugares do universo de Star Wars.

Escrita/enredo
Corey desenvolve a história com maestria, sem saturá-la com descrições extensas e desnecessárias. Sua escrita flui muito bem e é fácil se perder na leitura sem perceber o passar do tempo.

Pontos fortes
É fácil se divertir com a história. Corey  presenteia o leitor com uma leitura envolvente, cheia de momentos cômicos, com personagens carismáticos e muita ação!

Pontos fracos
Nenhum

Considerações finais
Star Wars: Honra entre ladrões é leitura obrigatória se você é fã ou se você simplesmente gosta de se aventurar e se divertir com uma boa história. Mesmo sendo do arco Legends, esse é mais um livro do universo expandido, que vale muito, mais muito a pena conhecer.

Nota 



- Você já programou a destruição?
- Sim. Sabe aquela coisa que Scarlet disse para eu não tocar? Eu toquei agora há pouco. Eu só não sabia como contar a novidade para você.
- Tem um grande pântano lá fora. Você sabe como o seu pelo fica quando encontramos muita lama.
A carranca de Chewbacca se suavizou um pouco.
- E vamos encontrar cobras - Han disse, com a voz quase gentil. Chewbacca ficou em silêncio por um longo momento, depois se virou e voltou para a cabine. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram