RECEBA NOVIDADES

Envie seu e-mail


4 de jan de 2017

PROPAGANDO | Entre umas e outras

Hoje é dia de livro 0💬
“Os quadrinhos de Wertz têm algo de encantador. Ela é hilária, profana e, às vezes, esquisita. De um jeito bom. Do melhor jeito.” 
The Stranger


Páginas: 208 | Formato: 17x24cm | Acabamento: Brochura
Título original: Drinking at the movies | ISBN: 9788582862988
Mês/Ano de publicação: 04/2016

Nesta inebriante graphic novel autobiográfica, Julia Wertz (criadora da cultuada HQ The Fart Party) documenta o ano em que decidiu ir embora de São Francisco, sua cidade natal, para ganhar as ruas desconhecidas de Nova York. Mas não se engane: esta não é aquela história manjada de redenção da jovem que supera todas as adversidades ou bobagens desse tipo. É um livro pra lá de engraçado – às vezes incisivo, é verdade –, repleto de ilustrações divertidas, de um humor ácido e de muita autodepreciação. De quadrinho em quadrinho, Wertz passa por quatro apartamentos toscos, sete empregos sofríveis, problemas familiares, viagens fracassadas e uma infinidade de garrafas de uísque.



“Wertz é brutalmente honesta, expondo seus fracassos com um prazer que resvala no perverso… Este livro trata de seu amadurecimento, de sua transição para a vida adulta (‘Bom, mais ou menos’), que ela apresenta brilhante e graciosamente.” 
Los Angeles Time

“Sombrio, terrivelmente introspectivo e, atrevo-me a dizer, o trabalho mais vulnerável de Wertz até aqui. Ainda assim ela é muito, muito engraçada. Não tem muitos autores por aí capazes de ilustrar aquela angústia inevitável que às vezes vem passar a noite em nosso sofá quando temos vinte e poucos anos. Mas Julia Wertz acertou em cheio.” 
Lizzy Caplan

“Eu queria que a pequena Julia Wertz 2D fosse o meu indiozinho do filme A chave mágica. Eu faria pra ela uma poltrona com uma caixinha de anel, que prenderia no guidom da minha bicicleta, daria a ela uma tampinha de caneta cheia de uísque e juntas cairíamos no mundo!” 
Fiona Apple

“Além de ser uma diversão garantida, Entre umas e outras dialoga com o desejo de liberdade e com os conflitos que todos temos no início da idade adulta. Finalmente temos Julia Wertz no Brasil, em tradução impecável.” 
Rogério Bettoni

0 comentários:

Postar um comentário


Copyright © 2014 | 2016, Hoje é dia de Livro
Versão 2.1 | Hoje é dia de Livro