RECEBA NOVIDADES

Envie seu e-mail


15 de dez de 2016

Resenha | Mago: Espinho de Prata

Hoje é dia de livro 1 💬
Título Mago: Espinho de Prata
Autor (a)  Raymond E. Feist
Editora Arqueiro
Páginas 384
Ano 2016
Classificação 5/5
(COMPRE EM OFERTA)
(CONTEÚDO ESPECIAL)

Durante quase um ano, a paz reinou nas terras encantadas de Midkemia. Porém, novos desafios aguardam Arutha, o Príncipe de Krondor, quando Jimmy, a Mão – o mais jovem larápio dos Zombadores, a Guilda dos Ladrões –, surpreende um sinistro Falcão Noturno prestes a assassiná-lo. 
Que poder maléfico fez com que os mortos se levantassem para combater em nome da Guilda da Morte? E que magia poderosa poderá derrotá-los? 
Mas antes de lutar contra eles o Príncipe Arutha, na companhia de um mercenário, um bardo e um jovem ladrão, terá que fazer a viagem mais perigosa da sua vida, em busca de um antídoto para o veneno que pode matar a bela Princesa no dia do próprio casamento.
●●

Quando eu julgava que Raymond E. Feist não conseguiria mais me surpreender com sua série literária Mago, eis que me deparo com "Espinho de Prata", o terceiro volume dessa aventura que vem, cada vez mais, conquistando minha admiração com seu universo singular e fascinante.


O diferencial, que causou mais fascínio pelo trabalho de Feist, foi o novo caminho que a história toma após os acontecimentos dos volumes anteriores (RESENHA LIVRO I - LIVRO 2) e o empenho do autor em trabalhar com outros personagens, que até então eram secundários e passam a ganhar mais destaque nessa nova aventura, estruturada com magia, dramas, perigos e o bom e velho romance.


Midkemia, após a batalha com os tsuranis, desfruta de uma paz que vem durando um ano, o reino comemora a ascensão de um novo rei e nada poderia privar Arutha, príncipe de Krondor, da felicidade de sua união com Anita a não ser várias tentativas de assassinato e o envenenamento de sua amada, ordenada por uma temível força maligna que até então é desconhecida por todos.

Os perigos são constantes e os obstáculos a serem vencidos, colocam à prova a coragem de todos que buscam derrotar tal mal. Arutha, na busca da cura do envenenamento de Anita, contará com a ajuda de velhos conhecidos, como o nosso mago favorito Pug e Jimmy, a Mão, conhecido por ser o destemido saqueador, que vem se tornando um grande herói, salvando sempre que possível a vida do jovem príncipe.


É incrível ver e presenciar o tão volátil Feist consegue ser com sua obra, destacando e trabalhando com todos os seus personagens em seu devido tempo, sem prejudicar a linha temporal da história. Aos fãs de fantasia, Mago é sempre a pedida ideal. Onde magia e grandes batalhas se complementam para a criação de um universo implausível, fica fácil causar agrado e satisfação, principalmente em fãs de Game Of Thrones ou até mesmo de Harry Potter.

1 comentários:

  1. Amei o post! *-* Como eu disse na minha resenha, eu não tinha gostado mt dos dois primeiros volumes, mas ADOREI esse! Achei bem melhor que os dois volumes anteriores e aprendi a gostar muito desse mundo e dos personagens! :D

    Abraços.
    Alex, do Um Bookaholic. <3

    umbookaholic.com | Canal | @umbookaholic: Twitter | Instagram

    ResponderExcluir

BOOK LAUNCH
Lançamentos mensais!
Fique por dentro dos lançamentos das editoras parceiras.
Resenhas
da Ordem!
Confira o veredito dos livros das melhores editoras do Brasil.
NEWS
Confira as última notícias sobre tudo.
Hoje é dia de...
Vem descobrir!
Confira nossa breve opnião sobre as mais variadas coisas!
Você
sabia?
Curiosidades que vão além do mundo literário!
Listas
Confira a nossa seleção de diversos conteúdos!

Copyright © 2014 | 2016, Hoje é dia de Livro
Versão 2.1 | Hoje é dia de Livro