RECEBA NOVIDADES

Envie seu e-mail


23 de jul de 2016

Resenha | Meio Rei

Hoje é dia de livro 0💬
Livro Meio Rei
Autor (a)  Joe Abercrombie
Editora Arqueiro
Páginas 288
Ano 2016
Classificação 4/5
(COMPRE EM OFERTA)
(CONTEÚDOS ESPECIAIS)

Jurei vingar a morte do meu pai. Posso até ser meio homem, mas sou capaz de fazer um juramento por inteiro.
Filho caçula do rei Uthrik, Yarvi nasceu com a mão deformada e sempre foi considerado fraco pela família. Num mundo em que as leis são ditadas por pessoas de braço forte e coração frio, ser incapaz de brandir uma espada ou portar um escudo é o pior defeito de um homem. 
Mas o que falta a Yarvi em força física lhe sobra em inteligência. Por isso ele estuda para ser ministro e, pelo resto da vida, curar e aconselhar. Ou pelo menos era o que ele pensava. 
Certa noite, o jovem recebe a notícia de que o pai e o irmão mais velho foram assassinados e não lhe resta escolha a não ser assumir o trono. De uma hora para outra, ele precisa endurecer para vingar as duas mortes. E logo sua jornada o lança numa saga de crueldade e amargura, traição e cinismo, em que as decisões de Yarvi determinarão o destino do reino e de todo o povo. 
●●●

É sempre fascinante depararmos com o tipo de livro capaz de fazer com que qualquer leitor se sinta parte de sua história e adentre em um universo único e surreal, que só ele é capaz de proporcionar. Para fazer jus a essa afirmativa, novamente, a editora Arqueiro apresenta uma obra digna de reconhecimento, mais um exemplo de qualidade dentre outros da literatura fantástica, presentes em seu catálogo.

"Meio Rei" é o primeiro livro da trilogia "Mar Despedaçado", escrita por Joe Abercrombie e nele conhecemos Yarvi – filho mais novo de Uthrik, rei de Gettland, uma das regiões do Mar Despedaçado – que ao receber a notícia da morte de seu pai e irmão, se vê obrigado a assumir o trono de seu reino por ser o próximo na linha de sucessão. Por possuir uma deformidade na mão esquerda, Yarvi é visto como uma espécie de aberração e acreditava que o mais apropriado seria se tornar Ministro, se dedicando aos ensinamentos religiosos, ao invés de rei, já que reis deveriam ir para guerras e inspirar medo, talentos que ele não possuía. Sem escolha, o recente rei assume o trono apenas para descobrir-se traído por um dos seus. Yarvi, que nunca almejou ser rei, tomado pela vingança e ódio, lutará para recuperar aquilo que é seu por direito, o Trono Negro.

Abercrombie nos presenteia com uma história repleta de emoção e grandes perigos e prova-se com sua escrita o tão grandioso é como autor, sem deixar também de comentar sobre a sua inteligência no desenvolvimento do personagem principal, inicialmente retratado como um garoto fraco e inseguro para se tornar um rei forte e confiante.

O que resta agora é aguardar pelos próximos volumes, que serão lançados também pela Arqueiro, essa editora linda que vem me fazendo feliz com suas obras fantásticas! "Meio Rei" é com certeza uma obra emocionante, para todo fã de fantasia.

0 comentários:

Postar um comentário


Copyright © 2014 | 2016, Hoje é dia de Livro
Versão 2.1 | Hoje é dia de Livro