RECEBA NOVIDADES

Envie seu e-mail


13 de jul de 2016

5 livros pós-apocalípticos para ler com frio na barriga

Hoje é dia de livro 0💬
Fala galera! Preparados para um possível apocalipse?
O fim do mundo talvez seja um dos medos mais antigos e comuns da humanidade. O cenário apocalíptico é um tema comum na ficção científica e na ficção especulativa, sendo abordado em grandes e conhecidas obras, como é o caso de The Walking Dead.
Pensando nisso, resolvi separar para vocês, que são fãs, assim como eu, alguns livros que abordam o cenário e sociedade em um mundo pós-apocalíptico! Confira, pois é uma obra mais incrível que a outra!



O Circo Mecânico Tresaulti
Em pleno cenário pós-apocalíptico, O Circo Mecânico Tresaulti ergue sua lona e dá início ao grande espetáculo. Ambientado sobre a perigosa superfície de um mundo devastado, cheio de bombas e radiação remanescentes de uma guerra pela qual todos já saíram derrotados, este belo romance nos apresenta uma caravana circense em eterna viagem através de muitas cidades sem país, região ou rota definida. Lugares que podem não mais existir quando o circo retornar. Aqueles que se juntam ao circo procuram segurança, trabalho sem risco de vida ou apenas uma nova forma de recomeçar. E seguir adiante, apesar de tudo. 
Através de imagens surpreendentes, a autora nos conduz por um realismo mágico com um toque da beleza steampunk, uma combinação inusitada que cria a atmosfera perfeita para personagens comoventes e de grande força poética. Fãs tanto de clássicos como Melville (Moby Dick), Frank L. Baum (O Mágico de Oz) e das fábulas dos irmãos Grimm quanto de autores contemporâneos como Kelly Link, Erin Morgenstern, Kami Garcia e Margaret Stoh vão se apaixonar pela prosa cheia de mistério da jovem e talentosa escritora Genevieve Valentine, que com este seu primeiro romance foi indicada ao Prêmio Nebula, um dos mais importantes dedicados à literatura fantástica. Aprecie esse peculiar espetáculo! 


A Noite dos Mortos Vivos
A Noite dos Mortos-Vivos, considerado uma das maiores obras-primas do gênero e um livro obrigatório para os fãs de The Walking Dead, Resident Evil, Orgulho e Preconceito Zumbi e tudo aquilo que englobe os carismáticos comedores de cérebros. 
Se hoje os zumbis estão em alta é porque, em 1968, George Romero e John Russo se reuniram para escrever o roteiro de A Noite dos Mortos-Vivos e mudar a história do cinema. O filme revolucionou o mito sobre as criaturas que voltavam do além: as superstições vodus das velhas produções B deram lugar à epidemia de fome canibal nas ruas norte-americanas. Criaturas similares já haviam aparecido antes nas telonas, mas foi em A Noite dos Mortos-Vivos a primeira vez em que foram retratados como uma praga devoradora de carne humana. 
O próprio John Russo (que também atua no clássico de 1968 como um zumbi) adaptou a história do filme neste romance que a DarkSide® traz para o Brasil. A Noite dos Mortos-Vivos inclui ainda uma surpresa para os leitores: o texto integral da sequência do clássico, que nunca chegou a ser filmada, chamada de A Volta dos Mortos-Vivos (não vai confundir com a comédia trash de 1985, que também contou com Russo no time de roteiristas). Depois de 45 anos, finalmente é publicado no Brasil o romance do filme que marcou gerações.


A Passagem
A Passagem é uma obra do escritor norte-americano Justin Cronin. O livro foi lançado em junho de 2010 e publicado no Brasil pela editora Arqueiro e recebeu muitas críticas favoráveis​​.
Esta é a história de vampiros que você não pode perder: 15 páginas são suficientes para cativá-lo; depois de 30, você se descobrirá prisioneiro, lendo noite adentro. Os Doze, segundo livro da trilogia A Passagem, nos faz questionar a mente humana, os avanços científicos e a busca do poder que leva a uma certeza sombria de nossa capacidade para o mal. Mas, acima de tudo, ele reforça nossa esperança em uma humanidade que se adapta, sobrevive e não se rende.


Eu Sou a Lenda
Eu Sou a Lenda é um livro de horror e ficção científica escrito por Richard Matheson e publicado em 1954. A obra foi influente no desenvolvimento do gênero zumbi e na popularização do conceito de um apocalipse em todo o mundo devido a uma doença. A obra foi um sucesso e foi adaptado para o cinema como The Last Man on Earth (O Último Homem na Terra), em 1964, como The Omega Man, em 1971, e como Eu Sou a Lenda, em 2007, juntamente com uma produção lançada diretamente e vídeo no mesmo ano, I Am Omega. O romance também inspirou o roteiro do filme A Noite dos Mortos vivos, de George Romero (1968).


A Dança da Morte
A Dança da Morte (original: The Stand) é um romance pós-apocalíptico de horror/fantasia do escritor norte-americano Stephen King, publicado originalmente em 1978. Recebeu uma edição expandida (The Stand: The Complete & Uncut Edition) em 1990, e uma adaptação para a televisão em forma de minissérie em 1994, pela rede norte-americada ABC.
O livro segue o gênero pós-apocalíptico, retratando um mundo devastado por uma grande peste durante a década de 1980 (ou seja, em um futuro próximo, considerada a época do lançamento do livro).

0 comentários:

Postar um comentário


Copyright © 2014 | 2016, Hoje é dia de Livro
Versão 2.1 | Hoje é dia de Livro