RECEBA NOVIDADES

Envie seu e-mail


5 de abr de 2016

Resenha | Pode Beijar a Noiva

Carolina Guerra 0💬
Livro Pode Beijar a Noiva
Autor (a) Patricia Cabot (Meg Cabot)
Editora  Planeta
Páginas 238
Ano 2016
Classificação 4/5
(COMPRE EM OFERTA)
(CONTEÚDOS ESPECIAIS)

Apenas um homem poderia propor a ela casamento...Emma Van Court, dama de uma família londrina, jamais esperava ficar viúva e sem vintém na aldeia escocesa de Faires. E quando uma fortuna lhe foi prometida, se ela tornasse a se casar, a bela professora deparou-se com um mosaico de homens solteiros lutando por suas atenções, seus pretendentes iam desde o pastor local até um detestável barão. Um doce beijo selaria aquele amor... James Marbury, conde de Denham, era moderno e sofisticado... e totalmente desacostumado às estradas lamacentas e aos telhados de palha da pequena Faires, para onde viajara depois de saber do falecimento de seu primo Stuart. E logo fica ansioso ao perceber que o intenso amor que sentira pela viúva Emma continuava tão forte quanto antes. Diante de tantos homens solteiros que a cortejavam, James encontrou uma única solução: oferecer-se como marido temporário para Emma... Mesmo que secretamente ele desejasse fazer seus votos durarem para sempre.
 ●●●

Patricia Cabot é o pseudônimo da autora americana Meg Cabot, bestseller reconhecida no mundo todo pela sua série de livros O Diário da Princesa- versada para o cinema, com Anne Hathaway no papel principal. Foi como Patricia que a renomada escritora assinou seus primeiros livros, na década de 1990.

Os romances elaborados sob esse pseudônimo têm um leve tempero picante, que salpica os finais felizes de suas heroínas. Patricia, ou Meg, é uma mestra na arte da escrita, já li três livros da série O Diário da Princesa na adolescência, a série A Garota Americana (meus preferidos *--*), Aprendendo a Seduzir e Retrato do meu Coração, romances históricos. Por ser uma autora que já adoro, sabia que adoraria Pode Beijar a Noiva também.

James, conde Denham, e Stuart são primos, e não poderiam ser mais diferentes. Enquanto James é ambicioso e  nem um pouco caridoso, Stuart tem sua vida voltada para a religião e para a caridade. 
Emma os conhece desde criança, e é apaixonada por Stuart, o qual compartilha dos mesmos pensamentos sobre o mundo que ela.

Stuart e Emma decidem se casar, mas sem o apoio da família da moça, ambos fogem para uma ilha e casam-se longe de seus familiares. O casamento foi um fracasso: moravam em uma cabana sem a metade do conforto a que estavam acostumados, porém o pior é que Stuart era muito voltado às questões espirituais para dar conta das necessidades físicas de sua esposa. Quando Stuart morre, ou melhor É morto, Emma torna-se a viúva mais cobiçada da ilha, tudo porque ela recebeu uma gorda herança com a morte de seu marido, porém só poderá colocar as mãos no dinheiro se ela casar- se novamente. Conde Denham ao viajar até a pequena ilha com o objetivo de levar o corpo de seu falecido primo para a Inglaterra, depara-se com a difícil situação de Emma. Ele, que já nutria um amor secreto pela esposa de seu primo há anos, vê nessa situação uma oportunidade para conquistá-la e a convence a se casar com ele. Emma pensa que o casamento acabará em divórcio assim que receber o que é seu por direito, mas James possui suas armas e não hesita em colocá-las em jogo, e Emma acaba se apaixonando por ele.

Pode Beijar a Noiva é um livro divertido com cenas picantes, de leitura fácil e fluída, sem grandes dramas, indicado para aqueles que querem uma leitura mais tranquila e/ou estão passando por uma ressaca literária.

0 comentários:

Postar um comentário


Copyright © 2014 | 2016, Hoje é dia de Livro
Versão 2.1 | Hoje é dia de Livro