RECEBA NOVIDADES

Envie seu e-mail


21 de jan de 2015

Resenha | The Walking Dead - A Ascensão do Governador

Hoje é dia de Livro 0💬

Livro The Walking Dead - A Ascensão do Governador
Autor (a) Robert Kirkman e Jay Bonansinga
Editora Galera Record
Páginas 364
Ano: 2013
Classificação 5/5


No universo de The Walking Dead não existe vilão maior do que o Governador, o déspota que comanda a cidade de Woodbury. Ele é o personagem mais controvertido em um mundo dominado por mortos-vivos. Neste romance os fãs descobrirão como ele se tornou esse homem e qual a origem de suas atitudes extremas. Para isso, é preciso conhecer a história de Phillip Blake, sua filha Penny e seu irmão Brian que, com outros dois amigos, irão cruzar cidades desoladas pelo apocalipse zumbi em busca da salvação.
Originalmente, The Walking Dead é uma série de quadrinhos publicada desde 2003 e vencedora do Eisner Award. Em 2010, os quadrinhos foram adaptados para o seriado homônimo The Walking Dead e, já bateu diversos recordes de audiência nos Estados Unidos. A série foi finalista em várias categorias no 68º Golden Globe Awards, incluindo Melhor Série Dramática de TV.
●●●

Qual fã do universo de The Walking Dead não gostaria de conhecer a origem do Governador? O vilão que após mais de 120 HQ's publicadas e 5 temporadas da série de TV não conseguiu encontrar um rival a sua altura.

O livro traz consigo uma enorme responsabilidade: conduzir a história de um personagem já estabelecido no universo sem causar danos a sua reputação de uma forma que os caminhos trilhados pelo personagem sejam causadores de toda aquela demência e melancolia.

Um ponto extremamente importante é o relacionamento entre a família Blake, demonstrado de uma maneira extremamente detalhada, onde cada conflito psicológico parece um experimento científico, observado e transcrito pelos autores.

Apesar da linguagem excessivamente "goore" se tornar um pouco repetitiva, o livro nos prende do começo ao fim dando soluções excepcionais para cada situação, nos lembrando a cada página que The Walking Dead não tem limites e os zumbis são quase um detalhe em uma comunidade tão enfraquecida repleta de novos sádicos. Pena que todo esse grande feito não se repete nos próximos livros, mais isso e assunto pra outra resenha.

É item de colecionador de qualquer fã, o livro cumpre tudo o que promete e é surpreendente. Nunca imaginei que uma origem de vilão pensada após sua definição ser tão condizente com o personagem quanto essa.

0 comentários:

Postar um comentário


Copyright © 2014 | 2016, Hoje é dia de Livro
Versão 2.1 | Hoje é dia de Livro